Conheça as Altcoins

Todas as moedas alternativas ao Bitcoin são conhecidas como Alternative Coins, ou só altcoins.

Assim como no mercado financeiro tradicional, esses novos criptoativos são mais opções para quem acredita nessa forma de investimento e tecnologia.

Você já está sabendo da novidade que temos aqui no Mercado Bitcoin? Recentemente nós ampliamos o nosso portfólio e agora, além de Bitcoin, Bitcoin Cash e Litecoin, também é possível negociar XRP (Ripple). Aliás, você sabia que na comunidade, todas as moedas alternativas ao Bitcoin são conhecidas como Alternative Coins, ou só altcoins? E mais, apesar de todas serem moedas digitais, cada uma tem propostas diferentes de valor.

A partir de 2011, mais de 1,7 mil criptomoedas alternativas foram criadas com novas funções e características. São diversas possibilidades que variam entre maior velocidade de transação, operações por contratos inteligentes, criptografia aperfeiçoada e inúmeras outras características apresentadas por cada altcoin.

Vamos entender melhor esse conceito de altcoin?

De uma forma direta e bem resumida, as altcoins são todas as criptomoedas que não sejam o Bitcoin. Mas por que criar uma nova moeda, sendo que o Bitcoin permite alterações em seu código fonte?

São basicamente 3 grandes motivos: a tentativa de aperfeiçoamento do projeto do Bitcoin, sem a obrigação de submeter as mudanças ao projeto principal; atender a um novo nicho de mercado; ser uma solução alternativa a outras criptos para a resolução de um problema existente.

No primeiro caso, desenvolvedores tem o anseio de criar suas próprias versões do projeto mãe, testando diferentes abordagens, como por ex. o Bitcoin Cash, que possui um limite de bloco superior ao Bitcoin. Para coloca-lo em pé, é necessário investimento de tempo para a realização de testes que garantam que o novo código não apresente “quebras”, ou seja, além de resolver os mesmos problemas do código original, não traga vulnerabilidades que ponham em risco o funcionamento da rede e o dinheiro dos usuários.

Quando uma altcoin se propõe a atender um novo nicho de mercado, em muitos casos não há reaproveitamento do código do Bitcoin e um novo sistema é desenvolvido, caso do XRP (Ripple), ativo digital que nasceu como solução de pagamentos e remessas internacionais. Diferente da rede do Bitcoin, não existem mineradores, uma vez que todos os 100 bilhões de XRP já foram previamente criados.

Por fim, quando uma criptomoeda quer ser uma solução alternativa a outras criptos para a resolução de um problema existente, podemos citar o caso do Litecoin. O Litecoin, conhecido como a ‘prata das criptomoedas’, veio para ser uma solução de pagamento mais ágil que o Bitcoin, ‘o ouro das criptos’. Seu tempo para criação de um bloco com transações é de aproximadamente 2 minutos e 30 segundos, enquanto o do Bitcoin é de 10 minutos.

Por que há demanda para esses novos criptoativos?

Assim como no mercado financeiro tradicional, esses novos criptoativos são mais opções para quem acredita nessa forma de investimento e tecnologia, funcionando como diversificação de portfólio. Além de pulverizar os riscos, competem pela possibilidade de maior valorização frente ao Bitcoin. Grande parte desses projetos estão em seus primeiros anos de funcionamento e atraem a atenção de investidores que não querem ficar de fora de uma eventual onda de valorização de preço, movimento comum a novos projetos. Por exemplo, em 2017 o XRP ganhou destaque no final de 2017, quando atingiu o valor de US$ 3,31, um ganho espetacular de 51.000% desde o início daquele ano, quando tinha apenas 4 anos de operação.

Entusiastas da tecnologia e investidores de longo prazo optam por alocar parte de seus investimentos em altcoins por conta da proposta de valor do projeto e robustez do time envolvido em seu desenvolvimento. Vislumbram que a longo prazo a tecnologia poderá ser usada em larga escala em determinado nicho de mercado, impactando em sua valorização.

Como escolher uma altcoin para investir?

É comum ter dúvidas na hora de escolher uma altcoin para investir, principalmente se você estiver começando no mercado de criptomoedas, já que as opções são diversas. Então, aqui vão algumas dicas:

  • Estude o projeto e o time envolvido
  • Acompanhe as redes sociais dos projetos e seus principais membros
  • Dê preferência a projetos com alto valor de mercado e volume negociado (consulte essas informações no CoinMarketCap)
  • Priorize criptoativos listados em exchanges confiáveis — diversos critérios são analisados antes da disponibilização de uma moeda para compra e venda em plataformas de exchanges com credibilidade
  • Cuidado com projetos desconhecidos — eles podem não ser tão seguros, tanto do ponto de vista técnico como financeiro e, em alguns casos, podem até envolver algum tipo de golpe.


Conheça as Altcoins was originally published in Blog Mercado Bitcoin on Medium, where people are continuing the conversation by highlighting and responding to this story.

The post Conheça as Altcoins appeared first on bitcoinmining.shop.

Shares